domingo, agosto 9, 2020
BlumpaDestaqueDiaristasDicas de FaxinaLimpeza domésticaOrganização da casaQualificação profissional

Confira as precauções para conviver com suspeitos de coronavírus

Segundo recomendações do Ministério da Saúde, pessoas com diagnósticos suspeitos ou confirmados para o novo coronavírus devem praticar o isolamento domiciliar. A orientação também se estende para aqueles que viajaram para fora do Brasil e desembarcaram aqui nas últimas semanas.

Para obter resultados efetivos e positivos diante da pandemia, o isolamento domiciliar necessita de medidas e cuidados específicos. Dentre elas estão a higienização constante dos cômodos, separação do indivíduo de outros integrantes da casa e troca imediata de objetos compartilhados.

Quarto isolado

A primeira atitude a ser tomada caso divida a casa com alguém que já possua coronavírus é separar um quarto e banheiro para uso exclusivo do enfermo. A porta de ambos deve ser mantida fechada o tempo todo, deixando apenas a janela aberta, para ventilação do ar.

Ela também terá que trocar a roupa da cama diariamente, assim como as roupas que veste. Quando tiver algum tipo de secreção, embalar todas as peças em um saco plástico até serem lavadas na máquina ou no tanque.

O recomendado é que uma lixeira seja colocada no cômodo, para despejar resíduos e manter o local limpo. Papel higiênico e álcool em gel também devem fazer parte do isolamento domiciliar, sendo renovados constantemente.

Ambientes compartilhados

Caso a residência seja pequena e quase – senão todos – os ambientes compartilhados, a atenção deve ser redobrada. Se a pessoa infectada divide o quarto, a melhor alternativa é que a pessoa saudável durma na sala, até que o quadro se estabilize. Sofás e colchões e quaisquer superfícies de contatos não podem ser partilhados.

Quando há a necessidade de estar no mesmo local, a pessoa infectada precisam estar com um lenço de papel ou papel higiênico que cubra o nariz e a boca em caso de tosse e espirro. Caso não tenha nenhum dos dois em mãos, ela deve utilizar o antebraço e higienizá-lo de imediato.

A comunicação entre os integrantes da casa também deve ser evitada. Dentre as alternativas estão as mensagens virtuais e ligações via celular ou chamada de vídeo. Se for possível, a recomendação é manter 2 metros de distância da pessoa infectada.


Preparando os cômodos para o isolamento domiciliar

Banheiro

Caso não haja como destinar um banheiro exclusivamente para o enfermo, o ideal é desinfetar todas as superfícies usadas por ele de imediato, após o uso. Qualquer parte que ele tenha encostado, como chuveiro, privada, espelho e maçanetas precisa ser higienizado.

Sabonete, toalha de rosto, pasta de dente, pentes e quaisquer objetos compartilhados devem passar a ser individuais. Separe e isole itens da pessoa infectada, para que não entre em contato com o restante. Utilize preferencialmente composições líquidas, como shampoos e sabonetes.

Cozinha

Não compartilhe copos, pratos, talheres ou panos. O infectado, quando estiver no cômodo, deve usar sempre máscara e higienizar bem as mãos. Todos os alimentos devem ser bem lavados e mantidos em ambientes protegidos.

Se possível, reserve alguns itens para serem utilizados pelo infectado ao longo dos próximos dias. Isso evitará o contato direto, mesmo que estejam limpos.

Sala

Limpe os móveis com álcool 70 ou água sanitária. A melhor opção é não dividir o mesmo cômodo com o enfermo por muito tempo. Por isso, evitar utilizar a sala, assim como seus objetos. Caso sinta necessidade, coloque um saco plástico no local onde a pessoa infectada por sentar, seja em uma cadeira ou sofá.

Dicas de limpeza

O ideal é que a limpeza e organização da casa seja constante, principalmente nos cômodos compartilhados.

  • Superfícies de contatos constantes devem ser desinfetadas, dentre elas: maçanetas, torneiras, interruptores, cadeiras, mesas, vasos sanitários e pias;
  • Utilize álcool 70 ou com porcentagem acima, desinfetantes e sabão para a limpeza geral;
  • A pessoa que estiver limpando a casa deve usar máscara, luvas e avental;
  • Roupas, acessórios e vestes de cama e banho precisam ser lavados após o uso e secas em local com circulação de vento;
  • Lixeiras devem ser mantidas fechadas e com trocas ao longo do dia.

Em última instância, caso a residência possua apenas um cômodo ou poucas divisões, a indicação é que a pessoa que não está infectada procure outro local para se acomodar, como casas de parentes e amigos.

Leia também:

Comentários

Leave a Response